Devocional Lucas 10:29-37


"Ele, porém, querendo justificar-se a si mesmo, disse a Jesus: E quem é o meu próximo?
E, respondendo Jesus, disse: Descia um homem de Jerusalém para Jericó, e caiu nas mãos dos salteadores, os quais o despojaram, e espancando-o, se retiraram, deixando-o meio morto.
E, ocasionalmente descia pelo mesmo caminho certo sacerdote; e, vendo-o, passou de largo.
E de igual modo também um levita, chegando àquele lugar, e, vendo-o, passou de largo.
Mas um samaritano, que ia de viagem, chegou ao pé dele e, vendo-o, moveu-se de íntima compaixão;
E, aproximando-se, atou-lhe as feridas, deitando-lhes azeite e vinho; e, pondo-o sobre o seu animal, levou-o para uma estalagem, e cuidou dele;
E, partindo no outro dia, tirou dois dinheiros, e deu-os ao hospedeiro, e disse-lhe: Cuida dele; e tudo o que de mais gastares eu to pagarei quando voltar.
Qual, pois, destes três te parece que foi o próximo daquele que caiu nas mãos dos salteadores?
E ele disse: O que usou de misericórdia para com ele. Disse, pois, Jesus: Vai, e faze da mesma maneira." (Lucas 10:29-37


“E ao próximo como a ti mesmo.”
Amar ao próximo é estar de prontidão, é ter o coração cheio de compaixão para mover-se, aproximar-se, levar, cuidar, doar ou dar condições para que outros cuidem.
Como cristãos devemos nos colocar no lugar do outro e perguntar: na situação dele o que eu esperaria que fizesse por mim?
Amamos o próximo não porque o próximo mereça, amamos porque DEUS nos amou e queremos cumprir Seus mandamentos. Nos movemos em favor do próximo motivados em agradar a DEUS e cumprir o Seu ensinamento.

“Vai e faze da mesma maneira”. É imperativo é sem esperar alguém veja, que alguém agradeça, é fazer por CRISTO. Amém.

Postagens mais visitadas deste blog

Missões? Por que e pra que?

Colômbia: Aprendizado, Serviço e Gratidão.

Festa Marcolina