Devocional João 19:17-22


"E, levando ele às costas a sua cruz, saiu para o lugar chamado Caveira, que em hebraico se chama Gólgota,
Onde o crucificaram, e com ele outros dois, um de cada lado, e Jesus no meio.
E Pilatos escreveu também um título, e pô-lo em cima da cruz; e nele estava escrito: JESUS NAZARENO, O REI DOS JUDEUS.
E muitos dos judeus leram este título; porque o lugar onde Jesus estava crucificado era próximo da cidade; e estava escrito em hebraico, grego e latim.
Diziam, pois, os principais sacerdotes dos judeus a Pilatos: Não escrevas, O Rei dos Judeus, mas que ele disse: Sou o Rei dos Judeus.
Respondeu Pilatos: O que escrevi, escrevi." (João 19:17-22)

Pilatos deve mesmo ter crido em JESUS. Sua declaração não soa como deboche, tanto que incomodou os sacerdotes. E Pilatos não se contentou em escrever em uma única língua, mas em três idiomas. Por que em três idiomas? Pilatos queria declarar para todos, queria que todos soubessem, queria declarar o que os sacerdotes queriam negar; que JESUS é Rei.
E o título estava em cima da cruz e não consta que havia qualquer inscrição na cruz dos que foram crucificados ao lado de JESUS.
Pilatos quis declarar, quis dar ênfase, quis proclamar que Aquele era o Rei JESUS.
Pilatos não voltou atrás no que escreveu. Será que Pilatos creu?

Postagens mais visitadas deste blog

Missões? Por que e pra que?

Colômbia: Aprendizado, Serviço e Gratidão.

Festa Marcolina